728 x 90

  • Veja Também

    sexta-feira, 10 de outubro de 2014

    Escritor ateu se torna cristão ao escrever livro sobre os horrores e catástrofes do século XX

    O produtor de cinema e escritor norte americano Jason Jones, autor do livro The Race to Save Our Century (A Corrida para Salvar Nosso Século, em tradução livre) falou recentemente em entrevista sobre o processo de escrita da obra ao lado do escritor John Zmirak. Antes ateu, Jones revelou na entrevista que se converteu ao cristianismo durante a produção do livro.
    A obra literária teve como objetivo apontar cinco princípios fundamentais para evitar catástrofes do século XX, que agora podem ser evitados neste século em que vivemos. Porém, Jones conta que o trabalho envolvido na produção da obra acabou sendo um catalizador para que sua vida fosse transformada, guiando-o através da mensagem deixada por Jesus Cristo.
    O ex-ateu conta que a ideia para o livro surgiu em forma de vídeo quando ele era um estudante universitário no Havaí (EUA), e tinha como objetivo incentivar seus colegas a se aprofundar no tema e fazer especialização no departamento de ciência política.
    - Eu só queria derramar os horrores do século XX em dois minutos, para criar uma urgência entre os jovens na minha escola, e assim tomarem noção da importância de adentrar na ciência política – afirmou Jones, segundo o The Christian Post, ressaltando ainda que a ideia foi rejeitada por sua “faculdade de esquerda”.
    Apesar da rejeição da universidade a ideia permaneceu viva, e Jones a transformou em um livro, em parceria com Zmirak. Ao longo do projeto ele afirma que descobriu o “foco” para sua vida: ajudar a criar um mundo melhor com medidas de precaução. O escritor detalha ainda que o processo em torno do livro modificou seu pensamento de ateu e libertário para cristão e conservador.
    Sobre o argumento central do livro, o escritor explica que os horrores do último século são baseados em cinco ideologias do mal: o racismo e o nacionalismo; o militarismo e a “guerra total”; coletivismo utópico; individualismo radical; e o hedonismo utilitarista.
    Jones e Zmirak afirmam no livro que estas ideologias propagadoras do mal podem ser exterminadas através da evolução dos pensamentos por meio de cinco princípios fundamentais: o valor único e absoluto de toda a pessoa humana; o direito natural; a defesa das instituições civis que se encontram entre povo e governo; a solidariedade; e uma economia humana.

    FONTE:gospelmais.com.br
    • Blogger Comentários
    • Facebook Comentários

    0 comentários:

    Postar um comentário

    Expresse aqui a sua opinião. Seu comentário será publicado após análise de nossos moderadores.

    Item Reviewed: Escritor ateu se torna cristão ao escrever livro sobre os horrores e catástrofes do século XX Rating: 5 Reviewed By: theoway O CAMINHO
    Voltar para o Topo