Home » , » Presidente da ANAJURE analisa polêmica em torno de Marco Feliciano

Presidente da ANAJURE analisa polêmica em torno de Marco Feliciano

Publicado por theoway O CAMINHO | quinta-feira, 21 de março de 2013 | 21:23

Fonte:  Gospel Prime

Dr. Uziel Santana enviou seus comentários diretamente de Istambul, onde participa de um encontro de juristas cristãos.

No final da tarde de hoje (20) o deputado federal Marco Feliciano (PSC-SP) precisou se reunir com o presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), para definir se o parlamentar evangélico deve ou não permanecer na presidência da Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM).

Os rumores da possível renúncia de Feliciano fizeram com que o presidente da ANAJURE (Associação Nacional de Juristas Evangélicos), Dr. Uziel Santana, se pronunciasse sobre a grande polêmica criada em torno do deputado pastor.

Santana acredita que o despreparo do movimento político evangélico trouxe quatro problemas não só para os parlamentares religiosos, como para a sociedade cristã.

O presidente da ANAJURE tomou conhecimento da tumultuada sessão da CDHM e também da reunião que Feliciano teve com o presidente da Câmara diretamente de Istambul, na Turquia, onde participa da Annual Consultation da Religious Liberty Partnership (RLP), evento que congrega associações de juristas cristãos de 23 países que atuam na defesa, assistência e conscientização sobre a liberdade religiosa em todo o mundo.

De lá ele analisou e listou o resultado da indicação e eleição do deputado Marco Feliciano como presidente da Comissão de Direitos Humanos, o texto foi escrito se baseando na possibilidade do pastor evangélico deixar o cargo.

Leia:

Em geral, o movimento político evangélico brasileiro é tão despreparado e age de forma tão atabalhoada que, no caso da CDH da Câmara, em uma ação só:
1) Vai perder a grande oportunidade de liderar uma das comissões mais importantes da Câmara dos Deputados;
2) Conseguiu com a indicação feita, dividir, ainda mais, a própria igreja evangélica;
3) Conseguiu trazer a sociedade e a imprensa contra os evangélicos ao fomentar e participar de uma tresloucada “guerra santa” por estar agindo com intolerância para com os intolerantes (é isso que Cristo nos ensina?);
4) E de quebra vai fortalecer ainda mais as minorias anticristãs com a recente fundação da Frente Parlamentar dos “Direitos (de alguns) Humanos”.
Tudo isso porque os projetos pessoais estão acima dos valores da Verdade do Evangelho de Cristo. Tudo isso porque os valores do Cristianismo foram reduzidos a um tema: a luta contra o movimento gay. Isso está certo? Este, realmente, é um tempo de reflexão, arrependimento e amadurecimento. Que Deus tenha misericórdia e conserte a sua Igreja.
Compartilhe este artigo :
Comentários
0 Comentários

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião. Seu comentário será publicado após análise de nossos moderadores.

CURTA NOSSA FAN PAGE!

 

Copyright © 2009-2016. theoway :: O CAMINHO - Todos os direitos reservados.