Home » , , » Pastor Saeed Abedini passa por julgamento rápido no Irã e teme a morte

Pastor Saeed Abedini passa por julgamento rápido no Irã e teme a morte

Publicado por theoway O CAMINHO | quinta-feira, 17 de janeiro de 2013 | 20:21

O pastor Saeed Abedini, um cidadão americano nascido no Irã, está enfrentando um rápido julgamento em Teerã em 21 de janeiro e manifestou temores de que ele possa receber a pena de morte por seu trabalho cristão.

O Centro Americano de Lei e Justiça compartilhou uma atualização com o The Christian Post sobre o caso do pastor, e revelou que seu advogado no Irã foi permitido ver o arquivo do tribunal só muito recentemente - ao descobrir que data julgamento do pastor está marcada para segunda-feira, Jan. 21, menos de uma semana a partir de agora.

"É um escândalo que a data julgamento do pastor Saeed e acusação contra ele fosse sabida por seu advogado até menos de uma semana antes do julgamento. Não só o Irã está violando a liberdade fundamental de religião do pastor Saeed, mas está fazendo uma farsa da justiça", Jordan Sekulow, diretor executivo do Centro Americano para Lei e Justiça, disse em um comunicado. O ACLJ está representando a família do pastor, sua esposa e dois filhos, que estão nos EUA.

O caso do pastor Abedini também foi recentemente transferido para um "juiz de enforcamento" notório no Irã, nomeado em 2011 pela União Europeia como um indivíduo sujeito a sanções por violações de direitos humanos por condenar um número de ativistas de direitos humanos à morte.

Em uma carta à sua esposa, Naghmeh, o pastor de 32 anos de idade, recentemente manifestou seu temor de que ele poderia realmente enfrentar a pena de morte, e revelou algumas das técnicas de interrogatório que foram usadas contra ele na prisão de Evin, em Teerã.

"Este é o processo na minha vida hoje: um dia me disseram que eu ia ser liberado e autorizado a ver os meus filhos no Natal (o que era mentira) e no dia seguinte me disseram que eu seria pendurado por minha fé em Jesus", escreveu Abedini. "Um dia, há dores intensas após espancamentos em interrogatórios, no dia seguinte eles são bons com você e lhe oferecem doces."

O pastor Abedini, que se converteu do Islamismo para o Cristianismo, com a idade de 20 e mais tarde se casou Naghmeh, uma cidadã dos EUA, tem sido alvo de autoridades iranianas por ajudar igrejas clandestinas no Irã e por seu trabalho de caridade. Ele foi detido por autoridades iranianas em 2009, e liberdado com um aviso de não continuar a pregação. Mas em julho de 2011, ele foi novamente preso durante uma de suas viagens da América para o Irã.

Seu advogado decifrou, no entanto, que as únicas acusações que as autoridades conseguiram fazer contra ele foi o de "pôr em perigo" a segurança nacional do Irã, em 2000, o ano em que ele se converteu ao Cristianismo. O ACLJ descreveu isso como "uma acusação típica trazida pelo regime radical islâmico contra os que desejam seguir suas crenças religiosas. A corte indicou que esta acusação de segurança nacional estava diretamente relacionada ao seu trabalho a partir de um movimento de igrejas domésticas no Irã".

O grupo afirma que as autoridades iranianas ainda confiscaram mais de 105.000 dólares de uma conta de banco iraniana dados a Abedini em doações para um projeto de orfanato local.

O Departamento de Estado dos EUA revelou recentemente suas "sérias preocupações" com a prisão do pastor, mas não chegou a apelar pela libertação imediata. O ACLJ pediu ao Departamento de Estado para tomar uma posição mais firme sobre o assunto e oferecer melhor proteção para os americanos perseguidos em outros países por sua fé cristã.

Mais de 66 mil pessoas já assinaram uma petição pedindo pela liberação do pastor Abedini da prisão, e o ACLJ está esperançoso de que intensa pressão internacional acabará por trazer a sua liberdade, como no caso do pastor iraniano Youcef Nadarkhani.

The Christian Post
Compartilhe este artigo :
Comentários
0 Comentários

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião. Seu comentário será publicado após análise de nossos moderadores.

CURTA NOSSA FAN PAGE!

 

Copyright © 2009-2016. theoway :: O CAMINHO - Todos os direitos reservados.