Home » , , » Vencedor do Super Bowl, jogador testemunha sua fé: “Jesus é melhor do que qualquer coisa”

Vencedor do Super Bowl, jogador testemunha sua fé: “Jesus é melhor do que qualquer coisa”

Publicado por theoway O CAMINHO | quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014 | 08:56

     O quarterback Russel Wilson, jogador do Seattle Seahawks e vencedor do Super Bowl 48, afirmou que “Jesus é melhor do que qualquer coisa. É ainda melhor do que o Super Bowl, melhor do que uma carreira NFL, qualquer coisa”.
    A declaração foi dada ao pastor Mark Driscoll, durante uma entrevista. Wilson, apesar de ser mais moderado que seu colega de profissão Tim Tebow, não deixa de posicionar-se sobre sua fé e testemunhar sobre isso.
Antes da temporada vencedora, Wilson estava desempregado, e só foi escolhido pela direção de seu time depois que as negociações com outros jogadores fracassaram.
    Até a imprensa norte-americana tem destacado a fé do jogador na repercussão do título do Super Bowl: “Pois, veja você, Seattle tem sido identificada como a vanguarda na vida norte-americana pós-cristã, a capital nacional dos ‘sem religião’, de pessoas religiosamente não afiliadas, que são uma força crescente em nossa cultura. É uma região muito liberal quando se trata de questões de estilo de vida de todos os tipos. Seattle não deveria abraçar um cristão conservador como Wilson. Portanto, isso está acontecendo”, opinou o site Patheos.
     Em seu programa de TV, o pastor Mark Driscoll ouviu de Wilson que a seu ver, “Jesus é amor”. Detalhando sua experiência de fé, o jogador resumiu: “No final do dia, todos nós estamos à procura de alguém para nos confortar, alguém para estar lá por nós em todos os momentos. Quando estamos nos piores momentos de nossas vidas, quando estamos no meio de lutas, sejam elas quais forem, quando estamos em nosso ponto mais alto, bem como, quando as coisas estão indo muito bem, queremos alguém para nos confortar e estar lá por nós e dizer: ‘Bem feito’. Isso é Jesus!”, disse o quarterback.
    Ryan Duncan, editor de cultura do portal CrossWalk, comentou as declarações dos dois integrantes da equipe vencedora do Seattle Seahawks: “Estas palavras vieram como uma lufada de ar fresco para os cristãos, que nos últimos anos encontraram-se cada vez mais impopulares aos olhos do público”, disse.
      Segundo Duncan, “com a cultura mudando a um ritmo alarmante, os cristãos conservadores não estão preparados para os novos desafios que o mundo enfrenta hoje”. O jornalista justificou sua opinião: “Seja na dramática transformação de estrelas da música pop nos meios de comunicação, ou o debate em curso sobre o casamento [gay], a Igreja foi colocada à margem da sociedade. Para preparar melhor a nós mesmos, e para melhor compreender a graça de Cristo, os cristãos devem estar dispostos a se levantar e lutar com as perguntas difíceis do mundo. Indivíduos como Russell Wilson devem viver sua fé abertamente e honestamente, agindo com justiça e caminhar humildemente na graça de Deus”.
Por Tiago Chagas
FONTE: gospelmais.com.br
Compartilhe este artigo :
Comentários
0 Comentários

Postar um comentário

Expresse aqui a sua opinião. Seu comentário será publicado após análise de nossos moderadores.

CURTA NOSSA FAN PAGE!

 

Copyright © 2009-2016. theoway :: O CAMINHO - Todos os direitos reservados.